Couscous/cuscuz marroquino com e sem camarões.

Preparando almoço para todos aqui em casa, lembro, atrasada, que duas, de três noras, não comem, apesar de gostarem, camarão…. Que sogra sou eu? Rsrsrsrs
Então, em tempo, separei em dois, os Couscous. A receita, mutatis mutandis foi a que aprendi, aqui em casa, este mês, com Maria Emilia.

Como sempre, tiro fotos do preparo. Berinjelas picadas e salteadas no azeite/manteiga.

2015/01/dsc01363.jpg

Bananas da terra, idem idem:

2015/01/dsc01364.jpg

O couscous hidratado e temperado com caldo de camarões que foram preparados também salteados e temperados com alho, azeite, pimenta síria moída, cebolas picadas e que não tirei fotos….

2015/01/dsc01365.jpg

Só me lembrei que não tirei fotos deles na mesa, quando fui guardar o que sobrou…. Tirei com ele dentro do pirex que havia feito….

2015/01/img_1928.jpg

E por último, o sem camarões. Acho possível comer os dois sem sofrimento…..

2015/01/img_1929.jpg

Anúncios

Pudim de pão da minha mãe

Faz uns dias estou com vontade de comer pudim de pão que minha mãe fazia. Tamires deixou os pães cortados e eu fiz agora no início da noite. Gosto de comer, quente ainda.

A receita é bem “a olho”….

Pães amanhecidos, cortados em fatias não muito finas.

Água fervendo para amolecer os pães.

Leite fervendo com pau de canela e açúcar a gosto.

Passas de molho em vinho do porto. Mais do que um cálice…. Um bom  copo….

Caramelei, diretamente na forma.

Coloquei as passas de molho no vinho do porto. Tomei um cálice enquanto fazia….

Despejei a água nos pães cortados e fui amassando com o amassador de feijão. (aquele amassador largo).

Fervi o leite com canela, coloquei o açúcar.

Fui colocando o leite e amassando mais um pouco até ficar bem homogêneo.

Incorporei as passas e o vinho do porto.

Coloquei um pedaço de goiabada cascão cortado em quadradinhos. 

Despejei na forma já caramelizada.

Imagem

Coloquei para assar em forno médio.

Imagem

Desenformei e comi quente.

Imagem

Vou passar longe da cozinha.

Imagem